A HQ que apresentamos neste momento tem uma vil realidade, pois nossa protagonista vive (ou melhor dizendo, sobrevive) em um mundo pós-apocalíptico, onde não existe muitas alternativas para quem não for esperto e ficar na sua. Por sorte não temos que estar na pele da enigmática mulher conhecida como Ruiva, montada em seu cavalo caçando e sendo caçada. É planejado que a série em quadrinhos “Os Poucos & Amaldiçoados” (também conhecido como “The Few and Cursed“) tenha um total de 6 edições.

Embarque conosco nessa ficção que mistura faroeste e fantasia numa história só. Hoje falaremos de “Os Corvos de Mana’Olana – Parte I”, primeira parte de 4 volumes, ainda em produção pelo roteirista brasileiro Felipe Cagno e com as ilustrações de Fabiano Neves. Seu lançamento se deu em 2015 na Comic Con Experience em São Paulo, após o Catarse realizado financiou suas edições, contando com nada menos que 943 pessoas.

Ao chegar na cidade de Mounain View em busca de emprego, nossa motherfucker woman resolve se oferecer para resolver um mistério de uma cobra gigante que devora humanos, e para que sua fúria não devaste a cidade tem sido necessário eleger alguém como sacrifício para a abominável fera. Os recursos escassos fazem a água ser uma das recompensas mais valiosas, já que 90% do líquido desapareceu do mundo. Após 70 anos sob essa realidade já não restam muitos que lembram como era ter água em abundância.

A Ruiva representa a anti-heroína que um mundo próximo ao fim precisa, está claro que ela entra no jogo para incomodar quem quer que seja. Caçando tesouros e maldições, parece que não existe justiça, ainda menos no Velho Oeste. Até então, a ameaça das criaturas encontradas pelo caminho não se comparam aos temíveis corvos de Mana’Olana, ou seja, o verdadeiro foco das edições principais começa aqui, onde entenderemos a lenda local. A representação do girl power nos anima ainda mais, e nesse caso a mulher não brinca em serviço MESMO.

Capas dos volumes atualmente disponíveis.

Com fácil compreensão por parte do roteiro tão instigante, é fácil devorar as 27 páginas ricamente ilustradas por Fabiano Neves. Admirável encontrar trabalhos nacionais que não perdem para obras internacionais extremamente financiadas por grandes editoras. O projeto independente está sempre contando com o apoio dos próprios leitores e fãs, através do Catarse e dos comentários construtivos que incentivam o lançamento.

A segunda edição já foi publicada, e em breve traremos sua resenha. Para adquirir, é possível acessando o site da Timberwolf Entertainment. Além disso, ajudem o atual Catarse dos criadores desse quadrinho, podendo ter mais detalhes da antologia que contará com 7 histórias produzidas por 7 artistas no livro “As Crônicas de Os Poucos & Amaldiçoadosaqui.