Baseado no filme “Kiriku e a feiticeira”, a editora Viajante do Tempo lança no próximo dia 19, na Feira de Livros do Palácio do Cacete, Rio de Janeiro, as histórias”Kiriku e a feiticeira” e Kiriku e o colar da discórdia“.

A pretensão inicial da editora com o lançamento destes dois livros, é trazer múltiplas abordagens sobre a cultura africana, meio ambiente, costumes sociais, preconceitos, escravidão, tolerância e coragem.

A lenda africana diz sobre um recém nascido que, ainda na barriga da mãe, corta o próprio cordão umbilical, ordena seu nascimento e batiza a si mesmo, bradando: “Meu nome é Kiriku”. Ele nasce sabendo falar, andar e correr, pleno de coragem e bravura, com uma missão: salvar sua aldeia da terrível feiticeira Karabá.

kiriku6

A força de Kiriku é baseada na doçura, na paz e na tranquilidade. Trata-se de um guerreiro inteligente e calmo, que traz como sua virtudes principais o altruísmo, a astúcia, a capacidade de perdoar, o senso de coletividade e o amor.

kiriku4

Saiba mais sobre os livros de Kiriku aqui!